Já ouviu falar de pôneis-guias?

Você sabia que pôneis podem ajudar pessoas com deficiência visual? Assim como os cães, esses animais podem ser treinados para atuar como guias e fiéis companheiros do dia a dia.

Do tamanho de um cão de porte médio a grande, os pôneis são um dos animais mais inteligentes da natureza. Além disso,  não necessita de cuidados extraordinários e possui uma estimativa de vida maior que a dos cães. A atuação de pôneis como guias pode ultrapassar os 40 anos, enquanto um cão atua, em média, até 8 anos.

Nos Estados Unidos, o projeto The Guide Horse Foundation – localizado na Carolina do Norte – juntou Dan Shaw e a pônei Cuddles. Com uma doença degenerativa nos olhos, Dan tem uma grande parceira para eliminar os limites e obstáculos de sua condição física. Há mais de 14 anos, ele e Cuddles são companheiros inseparáveis, suportando até viagens de cinco horas dentro de um avião.

É também no país norte americano que a estudante Mona Ramouni – cega desde criança – frequenta suas aulas na Universidade Estadual de Michigan com a sua companheira Cali, uma jovem pônei-guia. De origem muçulmana, sua família teve de buscar uma alternativa ao cão-guia, devido a restrições de suas crenças religiosas.

Cali e Mona não perdem uma aula sequer: juntas, elas enfrentam viagens diárias nos ônibus da cidade de Lansing.